segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Tesão e corta-tesão

UM TESÃO
Guilhermina Guinle, musa de O Astro, toda-toda pelas lentes de Maurício Nahas, para a Alfa de agosto.
7
3
2
GUILHERMINA GUUUUUUIN...
E O CORTA-TESÃO
4capa
Ops, broxei!
A gente super se esforça para gostar de capas masculinas sem uma presença feminina sequer, acho até que para isso acontecer é uma mera questão de tempo, afinal foi uma vida inteira na presença delas, mas precisava mesmo colocar o FHC na capa? E com essa foto sem graça? E logo depois de ele estampar a capa da Trip? E com outros personagens masculinos infinitamente mais interessantes no recheio? A Alfa é boa, tem textos ótimos (seu ponto forte, sem dúvida), mas suas capas caretas não motivam a compra. Fica parecendo revista para executivos na pré-aposentadoria.5
6
Seu Jorge (num belíssimo retrato) e o vilão das 8: capas muito + interessantes

5 comentários:

Emanuelle Borchert disse...

Fiquei me perguntando o que seria o corta-tesao, aí rolo a tela mais pra baixo e vejo a cara do FHC, pqp, morri de rir!

Linda a foto com Seu Jorge, devia mesmo ter ido pra capa, melhor que aquele ultra-mané que tá lá.

(E o blog tá que tá! =))

Leandro disse...

Q bom q vc está gostando, Emanuelle. Obrigado!

Ayla Farias disse...

Ai, ai... não sei o que seria de nós amantes das revistas sem vocês, Das Bancas!
A Alfa, definitivamente, tem sido uma sucessão de capas sem graça e personagens dentro mais interessantes... AFF!

Marcos O. disse...

Assino a Alfa e gosto bastante das capas escolhidas: não são mais do mesmo.

E Seu Jorge tem um tremendo marketing, mas é ruim de serviço que dói. Acho que começaram a perceber isso por aí.

Marcos O.

o Humberto disse...

Eu posso dizer que olho pra Guilhermina e só consigo lembrar de "Antônio Alves, taxista"? Sempre. :P

Postar um comentário | Feed



Blog Widget by LinkWithin
 
^