sábado, 5 de novembro de 2011

Lula, o câncer e as capas semanais

Fazia tempo que nossas três principais semanais de informação não chegavam nas bancas com capas sobre um mesmo assunto. E quando esse “fenômeno” acontece, claro, o dasBancas adora observar bem de perto. Pena que o assunto da vez, o câncer do ex-presidente, não esteja na minha lista de favoritos. Reparem que tirando um detalhe ou outro, o que destaca a capa é a foto escolhida.

Na Veja, temos um Lula sofrido, cabisbaixo e com a mão levada a boca. A foto é recente? Lula já estava doente? Das três, essa é a foto mais expressiva. Por outro lado, é a mais apelativa também. E esse cabeçalho horroroso da Veja é praticamente um câncer e mata qualquer capa.
veja Lula pessimista

Na ISTOÉ, o ex-presidente aparece sorridente, de cabeça erguida. Bem, ao menos o ângulo – de baixo pra cima – me passa essa impressão. O conjunto é harmonioso.
istoe
 Lula otimista
Na Época, ele está pensativo, olhando para o horizonte. Acho a idéia do meio termo boa, mas a expressão do Lula poderia ser menos apática. O tamanho reduzido da imagem, se comparada com as concorrentes, também ajuda a tirar um pouco a força da capa. O cabeçalho da Época, bem-resolvido, não me incomoda e gosto do caminho que a matéria de capa seguiu, linkada à polêmica do SUS.
Epoca Lula apático

Não amo nenhuma das três, mas dessa vez fico com a capa da ISTOÉ.  E você, qual das 3 prefere?

16 comentários:

RaFa . disse...

Isto É saiu melhor.

Alípio disse...

Achei que a Veja fosse fazer algo comemorativo e tal.

Israel Carneiro disse...

Acho a capa da Istoé a mais acertada.Dá a ideia que ele venceu uma luta e encontrou uma luz,um livramento.Tem um semblante mais celestial,até mais positivo.Ponto pra Istoé,que aliás,é a revista mais alheia aos assuntos do momento.Só fala de religião,pilares,corpo,emagrecer... ¬¬

Thaís Baldusco - Fisioterapeuta Dermato Funcional disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ayla Farias disse...

Da Istoé, mas a Época deu um show editorial se posicionando e dando o nome correto aos preconceituosos: baixaria! Já a Veja... bem ao estilo "forçado" como tudo nela. E acho que essa foto não é recente não!

Israel Carneiro disse...

Tô pensando em assinar a Época.Esse novo projeto editorial e gráfico tá matador!Muito lindo.Realmente,trazer o debate sobre o SUS é bem interessante.A Veja em 3/3/09 trouxe uma capa parecidíssima(sobre a hipertensão de Lula)com essa.A linha da Veja é sempre essa:quando Lula tá doente,põe Lula com uma foto closada,com ar de sofrimento,de que está passando mal.

Leandro disse...

Vcs, hein. Concordo com tudo que foi dito. ;-)

Alípio disse...

Exatamente Israel. A ideia é mostrar o inimigo abatido.

We Love Terry disse...

3 capas pra Lula! Q ano é hj?

Ana disse...

Pois é, a escolha desse tipo de foto pela Veja é bem óbvio. O gancho da Época foi muito bom mas em se tratando de foto, a Istoé levou.

Botelho de Oliveira disse...

Cancer é um drama para qualquer um, então acho que a capa deva ser compatível como o momento vivido pela figura retratada. A capa da Isto é parece um um trabalho de assessoria de marketing(o que pode até ser verdade dado o passado não muito distante da revista), totalmente incompatível com o drama da personagem. É mais a imagem que Lula gostaria de passar e que seus fãs querem projetar nele do que provalmente a tradução do que sente um paciente de câncer recém diagnosticado. Além disso, falar em comoção nacional é um evidente exagero. Portanto, acho mais adequadas as imagens de capa da ÉPOCA e da VEJA.

o Humberto disse...

Gostei da capa da Istoé, mas fiquei com vontade de ler a Época. Veja eu nem comento, sempre um lixo.

Alípio disse...

Botelho, depende muito.

O ex-vice presidente, membro do governo Lula, que morreu de câncer, mas ninguém mandou ir se tratar no SUS, José de Alencar, sempre encarou com altivez seu drama pessoal.

Se alguém fizesse uma capa sobre o câncer dele, com uma foto cabisbaixo, taciturno, seria algo totalmente fora de propósito.

Capa da Veja tem mensagem claríssima.

o Humberto disse...

Muito bom o ponto defendido pelo Alípio.

rafa disse...

Faltou a Carta Capital. Dessas gostei mais da Istoé.

Camila Alam disse...

e a da carta capital?

Postar um comentário | Feed



Blog Widget by LinkWithin
 
^