segunda-feira, 22 de setembro de 2008

3 anos e 11 meses

Esse foi o tempo em que a VIP ficou sem mandar pras bancas uma capa com foto em preto e branco. De agosto de 97 pra cá, início da fase “gostosas na capa”, a VIP criou 140 capas (contando com 1 edição especial e mais 4 capas duplas) e, de todas essas, apenas 5 foram em PB. Sim, só 5. Concordo que capas em PB devam ser dadas com uma certa parcimônia, para não quebrar o encanto que as cercam, mas 3,6% é uma tremenda mão de vaquice. Não acredito na teoria de que capa em preto e branco vende menos. O que não vende é capa ruim e mulher feia. Portanto, não consigo entender esse chá de cadeira que levamos.
.
Olhando as 5 belezuras abaixo, alguém em sã consciência se recusaria a comprá-las? Duvido! Na minha opinião, a capa da Scheila é uma das mais bonitas, sensuais e irresistíveis de toda a história da VIP. Só perde para a da Luma, mas isso já é uma outra história.
.
Vendável? Até daltônico compra!
.
Outro dado matemático: mais de 1/3 das capas publicadas, 48 para ser mais exato, têm o logo da VIP na cor vermelha ou vinho. Sendo assim, não vou reclamar do verde no logo da capa da Fernanda Machado, pois os caras tentaram fazer diferente e considero isso plausível.
.
Último número, prometo. Separei 36 capas pra vocês leitores do DasBancas que, tenho certeza absoluta, se amarram numa monocromia. Tentei pegar as edições mais recentes que foram pras bancas de cada publicação, ok?
Eu quero essa, esta e essa aqui. Aquela ali também. Mais aquela...

6 comentários:

greg disse...

Que capa é essa da Giselll na Vanity Fair? Absurda!

PBY no Brasil nunca teve e nem nunca terá p&b pelo visto.

muccioli, giuliano. disse...

FATO DADO: 1/3 das capas (48 edições) da VIP têm a marca na cor vermelha ou vinho.

Certo, com isso restam só duas explicações "aceitáveis" pro caso verde-limão: ou não quiseram cair em "lugar comum" com o esquema de cores das últimas capas em P&B publicadas (há dez milhões de anos atrás) ou o que é pior, condenável e (infelizmente) muito mais provável: por pura bichisse, não quiseram repetir tão cedo a cor do nome da mulher do ensaio principal na lombada.

Bora ver as evidências do projeto novo:
01. Apesar da marca branca, o nome da Letícia veio em vermelho (+5);
02. A marca na edição da Juliana BBB (+20);
03. O rombo infeliz na teoria: X-EGG + verde (-546.973.514).

Como não tenho as edições de Abril, Maio e Junho aqui, fica difícil dizer se faz sentido (78% de chance de ter falado merda sem saber). Se levar em conta o passado da revista, isso não quer dizer nada, já que tiveram 6 capas com amarelo/laranja no ano passado e algumas até mesmo consecutivas.

Agora fora da conspiração bizarra aleatória, tava pensando uma coisa: essa marca nova vai ter aplicação em preto com todos esses gradientes? Fica a dúvida.

vitor_barba disse...

ótimo post... fiquei até triste de não ter o que criticar! hahahah!
abração!

Jean Cândido disse...

poiseh...e olhe que a vip ainda fez foi muito!capas em preto e branco realmente nao sao a preferencia dos editores aqui no brasil, veja o caso da playboy que nunca teve uma capa assim e a UM teve apenas uma, com a sensacional Carol Castro(coincidencia ou nao, eu acho o melhor ensaio da revista). e a trip?alguem sabe se ja teve alguma?

greg disse...

Trip já fez váááárias, como publicação foda que é.

Ai mesmo na montagem do Leandro tem 3 capas recentes: Fernanda Tavares, Amy/Gisele Itie e Caco Barcelos.

Sem falar da TPM, né?

Leandro disse...

Greg, tem aquela especial da Vera Fischer, que não foi pras bancas (por isso não postei). Linda. Deixa eu elogiar de novo pro meu coelhinho escondido na capa da PBY preferido ver que eu elogio a PBY. L-I-N-D-A!
A da Gisele é da VF alemã de FEV/2007. Testino é o cara.

Giuliano, teoria conspiratória essa, hein? Rs... Sou lerdo, tive que ler umas 3 vezes pra entender. Será que entendi? Tô na dúvida. Hehe... Eu gosto bem mais do logo antigo, mas acho que rola sim um degradê do preto pro chumbo e cinza.

Barba, assim não tem a menor graça. Capricha no próximo esculacho que fica tudo certo, ok?

Jean, inseri a da UM pra você. Sempre me esqueço da UM. Espero que o Barba não leia essa parte senão ele vai reclamar. Hehe... A outra pergunta o Greg já respondeu. Trip é Trip, né?

Postar um comentário | Feed



Blog Widget by LinkWithin
 
^