sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

Insuperável

Gostei tanto do ensaio da insuperável Luana Piovani para a VIP de janeiro que fiquei com vontade de fotografar todas as 19 páginas do ensaio e publicá-las aqui. Sério. Claro que não posso fazer isso e mesmo se pudesse não pretendo estragar o prazer e a surpresa de ninguém que terá o privilégio de folhear um ensaio tão bonito. Por isso, amigos, fotografei apenas uma dupla de páginas e fiz questão absoluta de fotografar uma que não fosse a minha favorita. Não é a bela dupla do abre (Luana sentada numa jangada), não é a da saia florida e muito menos aquela da Luana de costas tirando a parte de cima do biquíni. Não é nenhuma dessas, mas mesmo assim é linda.

O que adoro em ti, é esse seu jeitinho cheio de si

Nesse ensaio, percebe-se facilmente uma entrega, uma vontade de fazer o melhor tanto em Luana quanto na VIP. Em Luana percebemos isso em cada imagem cheia de vida capturada pelas lentes sempre elegantes do Gaul. Na VIP, na escolha do fotógrafo, na locação, na seleção e edição das imagens, na poesia do Manuel Bandeira, na escolha da letra usada na poesia, na quantidade de páginas, na entrevista encorpada com direito a texto de abertura e fotos do making of... Enfim, em cada detalhe e em cada olhar a vontade de se superar.

Com ou sem Luana, queremos capricho assim T-O-D-O-S os meses

Amo a Luana. Amo o ensaio. Amo a VIP. Odeio essa capa. É diferente das demais capas da revista, isso é bom já que variar é preciso, mas é feia e desinteressante. Tem cara de revista de fofoca, “Luana na Ilha de Caras”, e não de revista sensual. Quando soube da Luana novamente na VIP, meio que ainda no olho do furacão, imediatamente imaginei uma capa com ela botando a língua pra fora, dando uma careta, cruzando os braços e mandando uma “banana” ou, ainda, levantando o dedo médio e exibindo um vistoso fuck you pra galera. No lugar da cara de nada, Luana estaria com cara de menina arteira, moleca. É claro que essa irreverência e ousadia não combinam mais tanto com a VIP de hoje e nada com o estilo do ensaio publicado. Também não acredito muito que Luana toparia colocar mais lenha na fogueira com uma capa (semi)polêmica.

Capa a la Luana: Ame ou odeie

Um fato que me chamou atenção na capa foi o logo na cor preta. Não que ele não possa ser usado numa capa de verão, mas no conjunto da obra não vi muito verão, não. Ficou pesado. E de agora em diante, preparem-se, os logos virão sempre nas cores preta ou branca. De acordo com Celso Miranda, editor responsável pela VIP, a idéia de fixar na capa o logo em preto ou branco tem como objetivo torná-lo ainda mais masculino e ainda mais facilmente identificável na capa. “Nossa percepção era que, mês a mês, o logo colorido se adaptava tão bem às cores, ao estilo da capa, ao figurino da modelo, que a marca ‘VIP’ acabava perdendo personalidade e importância”, afirma Celso. Não quero dar uma de leitor do contra, mas duvido que essa estratégia sobreviva por muito tempo. Se abdicar das cores e investir na monotonia do preto e branco só contribuirá para tornar as capas repetitivas.

Ignorando a capa (bem, pelo menos as outras três da Luana pra VIP são ótimas), finalmente a VIP conseguiu fazer um trabalho memorável com a agridoce - e deliciosa - Luana “Nem Preciso de Sobrenome” Piovani. Os invejosos se contorcerão. Nós nos curvaremos diante de tamanha superação.

+ da VIP do mês, em breve, aqui no DasBancas

14 comentários:

andreporto69 disse...

Leandro, por sorte minha revista chegou hj e não fiquei babando imaginando como estava o ensaio depois de ler seus elogios.

Realmente está tudo perfeito nesse novo ensaio de Luana na VIP.

ADOREI esse ensaio de Luana! Ela tá linda, o ensaio lindo, poético, delicado, sensual... simplesmente luana, ou seja, lindo.

Sacha disse...

AS fotos do ensaio estão lindas, a capa é um cocô. Não gosto da Luana, mas admito que ela é linda.

Thiago disse...

Acho que acabei de ler um post que pode ficar na memória desse blog. Parabéns Leandro. Palavras perfeitas!!!

Evandro disse...

Tenho uma relacao engraçada com Luana, na maioria das pessoas ela desperta amor e ódio. Em mim ela só desperta amor. Linda e autêntica. Ansioso pra chegar minha revista. Nda como ter bons amigos. Né, Leandro?

Alípio disse...

Eu sou do time dos que não gostam dela. O mulher que se acha. Mas é linda. Não resta dúvidas. Ficou bonito o ensaio da VIP, mas não supera, entre tudo o que Luana já fez, ao filme "O Homem que Copiava". Sei que é bizarro essa comparação, mas eu nunca fiquei tão encantado com a beleza dela como naquele filme. Interpretação bem mediana, mas linda de dar dó.

Leandro disse...

Mas esse correspondente internacional que arranjaram...

Alípio disse...

Não entendi o comentário do Leandro.

Leandro disse...

"Correspondente internacional" = Evandro

Jean Cândido disse...

po...terceiro dia do ano...desde o dia 30 que nao entrava na net!ai entro no obrigatorio dasbancas(o que eu fazia antes do orkut e dasbancas na net???)

e logo no comeco do blog, a garata surpresa com o luana na "capa" do blog e logo abaixo um comentario da melhor revista do mundo com a mulher mais gata do planeta!!!

Parabens luana, parabens VIP e parabens leandro!!!

é por essas e outras que sou leitor assiduo desse blog!!!!

Jean Cândido disse...

e so vou ver essa vip segunda ou traca....

João Paulo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
João Paulo disse...

Recebi hoje e só folheei, mas as fotos estão mesmo muito boas! Parabéns galera o blog está no minha parada obrigatória diária!

Leandro disse...

Vlw, JP! A comu da RS (uma das + organizadas e com neuronios) tbm faz parte da minha parada diaria.

Hilário disse...

Concordo com cada letra que o Leandro escreveu.

Postar um comentário | Feed



Blog Widget by LinkWithin
 
^